CÃO HERÓI , CÃO AMIGO – TERAPIA COM CÃES

terapia_com_caes

PROJETO SOCIAL “CÃO HERÓI , CÃO AMIGO” – TERAPIA COM CÃES

 COORDENADOR DO PROJETO: CAPITÃO BM FÁBIO PEREIRA DE LIMA

  1. IDENTIFICAÇÃO

1.1 Nome do Projeto

Projeto Social “Cão Herói, Cão Amigo “ -Terapia com Cães – CBM MS

1.2 Unidades de Serviço

Escolas , asilos e instituições com crianças especiais.

  1. DESCRIÇÃO DO PROJETO

 O projeto Terapia com cães, ora apresentado, refere-se a atendimentos que serão realizados à crianças de deficiências diversas realizados nas escolas bem como em outras instituições. Também serão atendidos pacientes idosos em asilos ou casas de repouso.

2.1 Desenvolvimento

A escolas de Campo Grande/MS diante de uma necessidade social para preencher uma lacuna na reabilitação de crianças com necessidades especiais e idosos serão atendidas no Município de Campo Grande/MS e cidades no interior que ativarem o serviço com cães.

Várias reuniões foram feitas para elaboração da proposta de um Projeto que utilizasse os cães nas atividades reabilitadoras destas crianças. Na elaboração do Projeto definiu-se pela:

  • Formação de uma Equipe Multidisciplinar (Bombeiros, Psicólogo, Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogos, Assistente Social, Pedagogo); contando ainda com um médico veterinário.
  • Visita da Equipe de Bombeiros, Oficiais e Praças a escolas e asilos.
  • Visita da Equipe Multidisciplinar da escola ao 6º Grupamento de Bombeiros Militar para apresentação da proposta;
  • Definição de funções dos profissionais envolvidos;
  • Forma de abordagem e atuação sobre a criança assistida, sua família e sociedade.

 2.2 Justificativa

Os processos e técnicas de reabilitação das crianças com necessidades especiais atendidas nas escolas e idosos em asilos veem procurando desenvolver novas possibilidades de aprimorar o desenvolvimento intelectual, físico e psicomotor.

Em avaliação realizada pela equipe técnica observou-se a necessidade da busca de novos recursos e novas estratégias de intervenção, visando provocar respostas até então não obtidas pela terapia convencional, para que a pessoa atendida obtenha melhores resultados e, conseqüentemente um melhor desenvolvimento de suas potencialidades, facilitado assim, o processo de inclusão social. Posteriormente, a equipe pedagógica , vislumbrando também novas respostas em seus assistidos, viu neste Projeto uma potencial forma de abordagem, adotando assim a parceria com o 6º Grupamento de Bombeiros através do Cinotécnico- Coordenador responsável o Capitão Bombeiro Fábio Pereira de Lima e seu cão terapeuta Airon da raça Golden Retriever e o cão Kauê também da raça Golden Retriever.

Essa raça foi escolhida por ser uma das mais indicadas para esse tipo de intervenção, assim como a raça labrador. Esses cães são dóceis, carinhosos e extremamente amigos das crianças. São também possuidores de bastante inteligência e interação com as pessoas . E seu padrão de raça não possui grau de agressividade, possuindo um temperamento e sociabilidade ideais para as atividades terapêuticas.

A partir dos objetivos traçados pela equipe multiprofissional, o envolvimento e interação do cão através do seu condutor com acompanhamento mútuo, pode resultar em evoluções significativas das crianças acompanhadas pela técnica de abordagem.

Pesquisas e publicações jornalísticas recentes vêm demonstrando que a Terapia Facilitada por Animais é benéfica a crianças de diversas maneiras mas, especialmente, em atividades educacionais e terapêuticas.

Dentro desta perspectiva, surge a possibilidade de implantar a Terapia com cães, modalidade de tratamento que utiliza cães devidamente treinados para fins de intervenções em processos terapêuticos, sendo neste contexto, utilizada no tratamento de pessoas portadoras de deficiências. Os profissionais envolvidos, os bombeiros e principalmente as crianças portadoras de necessidades especiais podem desfrutar dos benefícios da Terapia com cães, através dos trabalhos com a fala (comandos verbais dados ao cão), motricidade, afetividade, interação social, estimulação sensorial entre outros aspectos.

2.3 Escopo

O Projeto Terapia com cães na Escola Profº Múcio Teixeira Jr – Campo Grande teve início em 2014 como Projeto Piloto com acompanhamento individual e progressivo dos alunos participantes do projeto. Este se baseia nos princípios da Terapia Facilitada por Animais, iniciada em 1792, no Retiro York, com pacientes com transtornos mentais. De acordo com tal Terapia, o contato entre o homem e o cão beneficia a coordenação motora, habilidades cognitivas e sócio-emocionais, diminuem a ansiedade e motiva o indivíduo, entre outros fatores associados a tais melhoras.

O Projeto atenderá os alunos das escolas – Campo Grande-MS e suas famílias, em diferentes modalidades, associadas ou não. As modalidades terapêuticas são: Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Psicologia e Pedagogia. Os atendimentos ocorrerão uma vez por semana ou uma visita previamente agendada pelo coordenador do Projeto podendo ocorrer em uma sala ou quadra esportiva destinada para Terapia com cães.

Dentre as atividades desenvolvidas no Projeto encontram-se:

– atendimentos individuais e grupais;

– capacitações às equipes clínica, do Corpo de Bombeiros e Comunidade;

– apresentações em congressos, seminários e palestras;

– Passeios educativos em locais referentes ao Projeto (Quartel do Bombeiro);

– Avaliações (evoluções individuais dos assistidos, perspectiva dos familiares e equipe pedagógica e do processo).

2.4 Objetivos

1 – Objetivo Geral:

O Projeto Terapia com cães tem por objetivo geral oferecer modalidade terapêutica – Terapia com cães – as crianças de necessidades especiais das escolas e asilos de Campo Grande-MS, buscando o aprimoramento da reabilitação e contribuindo para melhoria da qualidade de vida, dentro de enfoque científico, numa perspectiva interdisciplinar ao seu assistido, fazendo com que este desenvolva suas capacidades físicas, cognitivas, sociais e funcionais necessárias para seu desenvolvimento global e, com isso, assumir o máximo de independência possível para sua efetiva inclusão social.

2 – Objetivos Específicos

¨      Aplicar a Terapia com cães como recurso alternativo no tratamento de pessoas com necessidades especiais.

¨      Possibilitar ao paciente uma complementação aos tratamentos alopáticos através do contato com o animal e a expressão da afetividade.

¨      Trabalhar o ser humano de modo holístico, equalizando o físico, mental e social.

¨      Utilizar o cão como um mediador do processo de reabilitação.

¨      Controlar, acompanhar e avaliar todo o processo.

¨      Desenvolver todo o processo fundamentado na metodologia científica

 2.5 Metas

A implantação da Terapia com cães foi vislumbrada e iniciada em abril de 2012.

As metas estabelecidas diretamente sobre as habilidades e limitações dos alunos assistidos pelo Projeto Terapia com cães, são vislumbradas de acordo com cada assistido, baseando-se em seu grau de comprometimento físico, psíquico e motor.

A partir da avaliação inicial, os objetivos iniciais são traçados e projetados para ganhos em 01 ano de atendimento semanal. Avaliações semestrais são realizadas e, caso o objetivo já tenha sido alcançado, novos são vislumbrados.

Os profissionais que compõem a equipe clínica e pedagógica da escola podem ser :(médicos, fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeutas e etc.) O 6º Grupamento de Bombeiros participa através do Oficial cinotécnico juntamente com seus cães que acompanham o desenvolvimento do tratamento, interação com o cão, treinamento e transporte de seu pessoal e cão ao ambiente aplicado.

2.7 Públicos Alvo

O Projeto Terapia com cães tem como público alvo aos alunos da escola e asilos ,concomitante com suas famílias e professores/cuidadores. Atualmente, atenderá inúmeros alunos, com idades variadas e tipos de intervenções diversas.

  1. RECURSOS EMPREGADOS

3.1 Número de envolvidos no projeto: bombeiros, servidores e membros da comunidade: 08 membros da equipe.

3.2 Perfil dos envolvidos: bombeiros, servidores e membros da comunidade

Corpo de Bombeiros Militar : 08 Bombeiros;

Equipe Clínica, caso exista – Campo Grande: 05 profissionais da área de saúde (01 Terapeuta Ocupacional; 01 Fisioterapeuta; 01 Fonoaudiólogo; 01 Psicólogo), 03 profissionais da área de educação (01 pedagogo, 02 professores), Direção e Presidência da Instituição.

Veterinário: 01

  1. METODOLOGIA

4.1 Informações preliminares

As estatísticas, seleção dos pacientes atendidos e priorização das necessidades são feitas pela equipe de profissionais existentes na escola, através da coordenação e os resultados estão sendo apresentados em anexo.

4.2 Estratégia

4.2.1 Espacial

Espaço reservado à atividade de Terapia com cães, local com aproximadamente 40 m2, de uso exclusivo do Projeto.

4.2.2 Temporal

Atendimentos realizados uma vez por semana, por 01 hora/ dia.

4.2.3 Período de realização

Durante todo o período letivo.

4.2.4 Há necessidade de treinamento específico?

O Bombeiro militar deve possuir afinidade com a condução de cães. Os profissionais da área de saúde e monitores da escola passam por rápida capacitação quanto à condução e trato de cães.

A equipe pedagógica realiza bimestralmente capacitações que envolve todos os participantes do Projeto. Estas abordam quadros clínicos e suas peculiaridades apresentados pelos assistidos na Terapia com cães.

4.2.5 Emprego de meios de comunicação

Inúmeras reportagens e entrevistas sobre o Projeto Terapia com cães poderão ocorrer no decorrer de sua realização. Poderão enfocar à abordagem utilizada, sua aplicação e sucessos alcançados, vislumbrando que outras entidades possam se estruturar para aplicação de Projetos semelhantes.

4.2.6 Participação e mobilização da comunidade

Veterinário voluntário até dezembro de 2014.

Presença de pais e responsáveis pelos alunos no processo;

Participação das crianças com necessidades especiais do Município de Campo Grande-MS:

  • APAE;
  • Pestalozzi;
  • Ceada, etc.

 5.2 Apresentação:

            Terapia com cães é uma terapia facilitada por cães, onde profissionais de diversas áreas utilizam este instrumento como reforçador, estimulador e facilitador da reabilitação global do assistido.

A Terapia Facilitada por animais originou-se no Retiro York, na Inglaterra, em 1792. Em 1867, na Alemanha, cães foram usados em terapias com pacientes.

A Terapia com cães com crianças tem o Dr. Levinson como introdutor da técnica. Após pesquisa intensa, chegou-se à conclusão de que a terapia com cães é benéfica em atividades educacionais e terapêuticas. As crianças ficam mais dispostas, interessadas e mais à vontade nas atividades em que o cão está presente.

Johnson, em 1983, discutiu os benefícios da Terapia com cães em trabalhos com crianças portadores de necessidades especiais. A Terapia com cães foi capaz de provocar boas respostas nesta clientela.

Em 1989, Redefer e Goodman conduziram um estudo em que crianças com autismo interagiram com um cão de terapia e demonstraram aumento significativo em seus comportamentos pró-sociais.

No Projeto Terapia com cães realizado nesta escola em Campo Grande- MS envolve em sua maioria crianças e adolescentes, são estimuladas pela presença de cães e assim conseguem se desenvolver de uma forma mais rápida e eficaz. O cão motivador é conduzido nas sessões por um bombeiro militar capacitado e o paciente tratado por um profissional de saúde habilitado, compondo um conjunto de sucesso.

Além dos atendimentos, para melhor qualificação do pessoal, são realizadas palestras ministradas por bombeiros e pessoal de saúde, além de reuniões, sobre condução e aspectos gerais sobre cães. Associado, como forma de explanação aos bombeiros militares, as deficiências e dificuldades dos excepcionais são abordadas, melhorando assim a qualidade dos atendimentos.

Tendo em vista o sucesso alcançado até a presente data, objetivamos a ampliação e melhorias no Projeto, dentro da capacidade do Corpo de Bombeiros Militar do MS em fornecer profissionais e cães e das escolas em ter profissionais e espaços destinados a este fim.

COMO PARTICIPAR DO PROJETO “CÃO HERÓI, CÃO AMIGO” – TERAPIA COM CÃES

As escolas ou instituições que tiverem interesse em receber uma visita dos cães terapeutas deverão realizar inscrição para apreciação e agendamento. Deverão procurar:

Projeto “CÃO HERÓI, CÃO AMIGO” –TERAPIA COM CÃES

Quartel do 6º Grupamentos de Bombeiros Militar (6ºGBM)

situado na Avenida Moacir do Carmo, 70, Bairro Parque dos Poderes.

TELFONE: 067 3318-4656 (07:30h às 13:30h)