3° GBM: Bebê é socorrido na região do Taquari no Pantanal de Corumbá

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, fevereiro 1, 2017 as 11:51 | Voltar

Devido ao difícil acesso à região pantaneira, a ocorrência durou pouco mais de 6 horas.

Militares do 3° Grupamento de Bombeiros  sediado na cidade de Corumbá receberam a solicitação via Central de Operações da unidade, onde a mãe de um bebê de 11 meses  informou que seu filho há dias não se recuperava da febre, dificuldade respiratória e tosse, após acionada a guarnição que iria realizar o atendimento  deu-se inicio  ao resgate que  teve como ponto de referência  o Porto do Sagrado, localizado no Rio Taquari na  região pantaneira  do Taquari,  aproximadamente 60 km distante do perímetro urbano do município de Corumbá.

Após três horas de deslocamento pela via fluvial a guarnição encontrou mãe e filho no Porto Sagrado.A mãe identificada como D.C.V.  33 anos, informou à guarnição que  o bebê estava com a saúde piorando a cada dia que passava.

Devido às dimensões geográficas o município de Corumbá abrange 60% do Pantanal sul-mato-grossense, a maioria dos resgates na região pantaneira são feitos pela via fluvial.

Devido às dimensões geográficas o município de Corumbá abrange 60% do Pantanal sul-mato-grossense, a maioria dos resgates na região pantaneira são feitos pela via fluvial.

Devido às dimensões geográficas o município de Corumbá  abrange 60% do Pantanal sul-mato-grossense, 37% do Pantanal brasileiro, 30% do Pantanal sulamericano e algo em torno de 10% do Chaco sulamericano. Sendo assim, considerada a Capital do Pantanal e a principal cidade às margens do rio Paraguai depois de Assunção, no Paraguai. A região pantaneira  é sua maior parte  é de difícil acesso, com locais onde somente é possível chegar via fluvial ou aérea, devido aos ciclos das cheias a geografia pantaneira muda constantemente.

Já era inicio da madrugada desta quarta feira, quando a embarcação do 3° GBM chegou a Corumbá e a viatura de resgate 84 deu continuidade ao atendimento.

Já era inicio da madrugada desta quarta feira, quando a embarcação do 3° GBM chegou a Corumbá e a viatura de resgate 84 deu continuidade ao atendimento.

O deslocamento foi realizado via fluvial com ida e volta durou mais de seis horas, os militares saíram do 3°GBM às 17:30 hrs. desta terça-feira  e retornaram no inicio da madrugada desta quarta-feira. Após desembarque na área portuária do perímetro urbano de Corumbá, mãe e bebê foram removidos ao Pronto Socorro do município.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.