3° Grupamento de Bombeiros Militar em Corumbá realiza TOP do mês de julho

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, julho 19, 2017 as 12:29 | Voltar

O asfalto esta quente, o capacete causa desconforto, dor, estres e até constrangimento, são alguns dos vários fatores pelos quais as vitimas de acidente motociclístico passam, antes e durante os atendimentos pré-hospitalar, consciente destes fatores o 3° Grupamento de Bombeiros Militar em Corumbá, inicia mais um ciclo de Testes Operacionais Padrão (TOP) ao longo deste mês de julho tendo como tema o Atendimento a Vitima de Acidente Motociclístico

O tema vem sendo abordado pelas guarnições operacionais durante a rotina diária de serviço e se faz necessária devido à crescente incidência em atendimentos envolvendo acidentes motociclísticos, com vitimas encaminhadas em estado grave ao núcleo de saúde local, e registro de óbitos envolvendo motociclistas nas cidades de Corumbá e Ladário.

Com uma carga horária que não ultrapassa uma hora de Teste e objetivando o nivelamento de conhecimentos, o TOP é realizado apenas uma vez por semana, toda quarta-feira pela guarnição que esta de serviço, e auxilia na correção de detalhes. Contribuindo para o trabalho sincronizado e em sintonia das guarnições de resgate, salvamento e incêndio. De acordo com o 2° Tenente Ronne “É muito importante que as guarnições possam estar corrigindo suas deficiências, desta forma o nivelamento de conhecimento torna possível a sintonia entre os militares, e isso reflete positivamente durante o atendimento à população”.

Durante os Testes, as guarnições iniciaram o nivelamento a partir do ponto onde estavam encontrando maiores deficiências, durante os atendimentos envolvendo motociclistas. Entre os pontos mais elencados no APH estão a retirada de capacete, retirada de mochilas e bolsas, são acessórios comuns entre os pilotos e que ficam pendurados ao corpo durante os deslocamentos, também foram frisados as medidas de segurança durante o atendimento, como a retirada da chave da ignição e o fechamento do registro de combustível.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.