Massagem cardíaca realizada por militares do Corpo de Bombeiros salva vida de mulher em Ivinhema

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, abril 11, 2017 as 17:16 | Voltar

Ivinhema – MS - Na tarde desta segunda, dia 10 de abril, o Corpo de Bombeiros Militar em Ivinhema recebeu uma solicitação via 193 de que uma mulher estava tendo uma parada cardiorrespiratória no Bairro Piravevê. Chegando ao local, os bombeiros confirmaram que uma senhora de 74 anos estava em parada cardiorrespiratória e o filho dela, técnico em enfermagem, fazia massagem, a fim de realizar os primeiros socorros. Nesse momento, os profissionais assumiram a situação e identificaram que a vítima havia restabelecido os sinais vitais.

Durante o caminho para o hospital local, a guarnição composta pelo Sargento Gilberto e Cabo Da Silva percebeu que a senhora teve outra parada, momento em que iniciaram novamente as massagens cardíacas. Já no hospital, os bombeiros ainda auxiliaram a equipe médica durante todo processo de tentativa de reanimação e, após 22 minutos de trabalho intenso, veio o resultado esperado: a senhora havia restabelecido seus batimentos cardíacos e sua respiração.

Essa ação foi bem sucedida graças ao sincronismo entre o Corpo de Bombeiros Militar em Ivinhema e a equipe do Hospital Municipal, cujos esforços foram imprescindíveis para este resultado. De acordo com o Sargento Gilberto, comandante da equipe dos bombeiros, o trabalho em equipe dentro do Hospital foi fundamental para a manutenção da vida da vítima.

“Quando percebemos a gravidade da situação, no mesmo momento efetuamos contato com o Hospital Municipal para que preparassem o ambiente hospitalar para receber a vítima. E o trabalho em conjunto entre bombeiros, médicos e equipe de enfermagem na reanimação foi decisivo para que a vítima continuasse viva”, observa o bombeiro. O Cabo Da Silva, também presente no resgate, disse que “é gratificante poder ajudar a salvar uma vida e que o trabalho bombeiro militar é muito especial”.

Após a reanimação, a vítima foi encaminhada para Unidade de Tratamento Intensivo em Dourados. De acordo com avaliação dos médicos em Ivinhema, o infarto não foi o motivo que causou a parada cardiorrespiratória. Ainda está sendo investigada a causa que levou à parada.

Parada cardiorrespiratória: A parada cardiorrespiratória é o momento em que o coração deixa de funcionar e o indivíduo deixa de respirar, sendo necessário fazer uma massagem cardíaca para fazer com que o coração volte a bater. A parada cardiorrespiratória pode ser gerada por diversas causas, mas, na maior parte das vezes, ela ocorre devido a problemas cardíacos. Quando uma pessoa está em parada é necessário um conjunto de técnicas para retardar a lesão cerebral até a instituição de medidas de suporte avançado de vida. Essas técnicas consistem em abertura de vias aéreas, respiração assistida e compressões torácicas.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.