Corpo de Bombeiros Militar em Três Lagoas reúne-se com instituições para planejar fiscalização, controle e respostas a emergências com Produtos Perigosos (PP) no município

Categoria: Geral | Publicado: quinta-feira, março 30, 2017 as 23:56 | Voltar

Três Lagoas (MS) - As ações visando prevenção, preparação e resposta às emergências e desastres envolvendo produtos perigosos (PP) são de responsabilidade de todas as instituições. Pensando nisso e devido à crescente circulação desses produtos no município, o Comandante do 5º Grupamento de Bombeiros Militar (5º GBM) realizou na manhã desta quinta-feira (30) uma reunião com o comando e representantes da Polícia Militar Ambiental, Polícia Rodoviária Federal, Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) e Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Na pauta, foram abordados a fiscalização e o controle de PP.

Na oportunidade, houve troca de experiência e conhecimento sobre a situação do Município de Três Lagoas e região quanto ao transporte, manuseio e uso dos produtos perigosos. Foi traçada, então, a estratégia de realizar capacitação e treinamento para fiscalização e primeira intervenção, distribuindo atribuições a cada órgão para viabilizar o treinamento, que deve ocorrer na sede do 5º GBM.

 A ideia é também capacitar uma equipe integrada para realizar operações inopinadas nas rodovias e nas indústrias e comércios. Além de compartilhar banco de dados e informações sobre produtos perigosos na região.

“O conhecimento integrado das funções de cada instituição possibilitará um trabalho coordenado, sem protagonismos, nem invasão nas responsabilidades das demais. Assim, cada uma deve fazer o que lhe é correspondido. Essa deve ser a maneira de trabalhar nas emergências com produtos perigosos para garantir o sucesso das ações”, afirmou o Tenente-Coronel BM Arruda, Comandante do 5º GBM.

 

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.