Pela primeira vez juntos os projetos sociais Cão Herói, Cão Amigo – Terapia com Cães e Bombeiros do Amanhã, do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, junho 14, 2016 as 13:50 | Voltar

Campo Grande (MS) - Na manhã de 08 de junho do corrente ano, pela primeira vez, os projetos sociais, "Bombeiros do Amanhã" e o "Cão Herói, Cão Amigo -Terapia com Cães", ambos do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Matogrosso do Sul, uniram-se numa atividade diferenciada entre os jovens e os cães terapeutas da corporação.

Na ocasião, os jovens do projeto Bombeiros do Amanhã puderam usufruir do contato com os cães terapeutas Kauê e Airon, onde IMG_2464brincaram e conheceram mais sobre a cinoterapia, que é uma modalidade de terapia facilitada por cães onde a equipe multiprofissional utiliza este como reforçador, estimulador e facilitador da reabilitação e socialização integral daqueles que recebem o contato com o animal.

Aos que recebem o contato com os cães terapeutas do Projeto Cão Herói, Cão Amigo - Terapia com Cães, além de exercitar a IMG_2454humanização, a interação contribui no controle da pressão arterial, estimula a memória e o cognitivo, auxiliando também na comunicação, produzindo sentimento de bem estar, relaxamento e motivação, reduzindo a sensação de ansiedade.

O projeto Bombeiros do Amanhã, desde 1993, está voltado para a boa formação de jovens entre 12 a 15 anos de idade, desenvolvendo a disciplina, a sensibilidade e o talento, oportunizando aosIMG_2485 mesmos um aprendizado técnico e prático em primeira resposta aos incidentes de emergência, tais como princípios básicos de resgate, salvamento e de incêndios que favorecem no desenvolvimento pessoal e comportamental propiciando uma convivência harmoniosa no âmbito familiar e social.

O projeto Terapia com Cães tem por objetivo busca uma melhora da qualidade de vida, dentro de enfoque científico, numa perspectiva interdisciplinar ao seu assistido, fazendo com que este desenvolva suas capacidades físicas, cognitivas, sociais e funcionais necessárias para seu desenvolvimento global e, com isso, assumir o máximo de independência possível para sua efetiva inclusão social.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.